Franquia Rei do Mate – Informações, Quanto Custa, Retorno

Cada vez mais pessoas estão se tornando seus próprios patrões: uma franquia do Rei do Mate pode ser a chave do sucesso.

Em maio de 2013, o país ultrapassou a marca de três milhões de empreendedores registrados na Previdência Social; na maioria, são autônomos que formalizaram seus negócios graças ao incentivo ao microempreendedorismo individual. Mas quem tem um pouco mais de capital pode escolher uma franquia barata e beneficiar-se de toda uma estrutura de marketing, treinamento de pessoal, organização financeira e da logística de distribuição; é o caso de uma loja do Rei do Mate.

rei do mate franquia

Franquia Rei do Mate

A primeira loja do Rei do Mate foi inaugurada no final da década de 1970, em um endereço emblemático para São Paulo: na Avenida São João, quase na esquina da Avenida Ipiranga, eternizada por Caetano Veloso em “Sampa”: “alguma coisa acontece no meu coração, que só quando cruza a Ipiranga e a Avenida São João”. A ideia erra simples, mas original: servir mate gelado com leite ou suco de algumas frutas.

O novo sabor conquistou uma clientela fiel. Em pouco tempo, as franquias Rei do Mate ampliou o cardápio com sanduíches, novas receitas de mate e espalhou-se pela capital paulista e região metropolitana. A partir de 1992, a empresa decidiu franquear a marca, atingindo praticamente todo o país: está presente em 17 Estados, mas a maioria das lojas está concentrada em São Paulo (140) e Rio de Janeiro (110). Desde o ano 2000, o Rei do Mate tem mantido a abertura de 30 novas franquias.

O faturamento total da rede é de R$ 150 milhões por ano. Para novas franquias, são destinados R$ 10 milhões. As ações publicitárias são ousadas: o Rei do Mate contratou o cantor João Gordo como garoto propaganda de sua nova linha de lanches, lançou um mate gourmet criado pelo chef Emanuel Bassoleil (do Restaurante Skye, no Hotel Unique) e estabeleceu uma parceria com o artista plástica Romero Britto para a nova logomarca.

Apesar de contar com clientes fiéis desde a inauguração, a clientela do Rei do Mate é composta fundamentalmente por jovens. A franquia tem procurado expandir-se fora das praças de alimentação de shopping centers, apostando em pontos de vendas em faculdades, clubes e academias. As regiões Norte e Nordeste são o principal objetivo da rede, mas a oportunidade de franquias ainda é grande em todo o país.

franquia rei do mate

Quanto Custa a Franquia Rei do Mate

Quem pretende abrir uma franquia do Rei do Mate deve estar preparado para investir R$ 200 mil, sem contar os custos com o ponto de venda. A rede afirma que o retorno comercial ocorre após 36 meses – portanto, é necessário um fundo de reserva para se manter durante os três primeiros anos do negócio.

São necessário oito a dez funcionários para manter a qualidade do atendimento. O franqueado Rei do Mate paga mensalmente 4% do faturamento (royalties) e 1% para custear o marketing da empresa. A rede permite a utilização da marca, treinamento e supervisão, atualizações constantes e possibilidade de desenvolvimento de novos produtos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *